Compartilhe!
Share on Facebook11Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Pin on Pinterest0Share on LinkedIn0

Hoje quero responder uma dúvida bem comum de muitos candidatos e partidos.

Muita gente acha que por não receber recursos em dinheiro para a sua campanha eleitoral, pode entregar a declaração e fazer a prestação de contas da campanha com os valores zerados. Isso é um erro e pode inclusive anular sua candidatura.

Preciso enfatizar e deixar claro que não existe nenhuma possibilidade da prestação de contas de candidatos ser entregue zerada.

 

>> Baixe grátis o Manual Simplificado de Prestação de Contas Eleitorais

 

Considerando que todo candidato:

  1. Recebe material gráfico de campanha da majoritária;
  2. Faz uso de carros de som;
  3. Precisa se locomover;
  4. Precisa nomear (contratar) advogado e contador.

 

Ainda que estes recursos sejam recebidos como doação e o candidato não desembolse qualquer quantia em dinheiro, eles precisam ser considerados e estimados na prestação de contas.

É bom lembrar também que, mesmo o candidato que desista de sua candidatura e não movimente dinheiro em sua conta de campanha, estará obrigado a prestar contas e a mesma não poderá estar zerada.

O simples fato do candidato ser obrigado por lei a contratar contador e advogado, ainda que estes doem os respectivos serviços, estas serviços serão contabilizados com seus devidos valores estimados de acordo com o cobrado normalmente pelo mercado, o que determinará o que estou insistindo em dizer: NÃO EXISTE PRESTAÇÃO DE CONTAS ZERADAS.

 

Quer saber mais sobre prestação de contas eleitorais?

Baixe grátis o nosso eBook com todas as informações que você precisa saber!

 

Contabilidade eleitoral

Saiba mais!

Atenção! Não existe prestação de contas eleitorais zerada
5 (100%) 6 votos
Compartilhe!
Share on Facebook11Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Pin on Pinterest0Share on LinkedIn0